Global survey of ayahuasca drinking


      

       

  

Leia as informações abaixo e clique em Próximo na parte inferior da página se desejar iniciar a pesquisa. Você também pode baixar um PDF dessas informações.

Você está convidado(a) a participar de um inquérito on-line que investiga o consumo de ayahuasca em diferentes contextos ao redor do mundo, incluindo práticas e crenças associadas, motivações individuais e efeitos relatados sobre saúde e bem-estar.

Pesquisadores envolvidos
O estudo está sendo realizado pelo Dr. Daniel Perkins e Dr. Violeta Schubert da Faculdade de Artes, Professor Associado Jerome Sarris, do Departamento de Psiquiatria, e Lindy Joubert da Faculdade de Arquitetura, Construção e Planejamento, todos na Universidade de Melbourne. A equipe de pesquisa também inclui o professor Luís Fernando Tófoli, do Departamento de Psicologia Médica e Psiquiatria da Universidade Estadual de Campinas, Dra. Emérita Sátiro Opaleye, do Departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo, Dr. José Carlos Bouso e José Luis Vila Leirós, Da Fundação ICEERS, Dr. Miroslav Horák, Departamento de Línguas e Estudos Culturais, Universidade de Mendel, Dr. Milan Scheidegger, Departamento de Psiquiatria, Psicoterapia e Psicossomática, Universidade de Zurique, Helena Aicher, MIND - Fundação Europeia para a Ciência Psicodélica e Ms Hana Simonová, psicóloga. Os conselheiros do projeto são o Dr. Dennis McKenna, do Instituto Heffter, e Simon Green, Associado de Pesquisa, Projeto ATOP.
 
Este projeto foi aprovado pelo Comitês de Ética em Pesquisa Humana da Universidade de Melbourne (1545143.1) e da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

Critério de participação
Os critérios de elegibilidade para participar na pesquisa são:

  1. Você tem pelo menos 18 anos de idade
  2. Você lê, escreve e fala fluentemente inglês/ português/ espanhol/ alemão/ tcheco ou italiano
  3. Você bebeu ayahuasca (também conhecido como yagé, hoasca, vegetal, daime, entre outros nomes) ou bebidas relacionadas (como pharmahuasca) pelo menos uma vez em sua vida.

Conteúdo da pesquisa
A pesquisa irá perguntar sobre o seu histórico de uso de ayahuasca, suas motivações e os contextos em que você a tem bebido, sua saúde e estilo de vida, e o impacto que beber Ayahuasca teve sobre a sua saúde e bem-estar, na sua opinião. A pesquisa também inclui perguntas sobre impactos negativos de beber ayahuasca, no seu entendimento.

Algumas das perguntas da pesquisa perguntam sobre o efeito de beber ayahuasca em sua saúde mental ou em traumas prévios, e pode ser angustiante para você pensar sobre tais experiências. Você não precisa responder a nenhuma dessas perguntas. Se você se sentir incomodado após concluir o estudo, ou descobrir que algumas perguntas ou aspectos das perguntas desencadearam sofrimento, por favor, procure ajuda de um clínico ou terapeuta qualificado. Se você precisar de assistência imediata, entre em contato com uma das seguintes linhas telefônicas de 24 horas:

Esses contatos também serão fornecidos na página final da pesquisa.
 
Sua participação realizará uma contribuição científica importante, e você pode aprofundar as reflexões sobre suas experiências.
 
Que a participação envolve
A participação no estudo envolverá completar um inquérito on-line que levará 30-50 minutos. Entretanto, este tempo variará dependendo de suas respostas às perguntas abertas. Você será obrigado a completar a pesquisa inteira de uma vez.
 
Anonimato
A pesquisa é anônima e não serão solicitados dados de identificação como nome, data de nascimento, endereço ou e-mail. Removeremos quaisquer referências a informações pessoais em respostas a perguntas abertas que possam permitir que alguém adivinhe sua identidade.
 
O que acontecerá com os resultados
Pretende-se que os resultados deste estudo sejam publicados em artigos de revistas, relatórios e apresentados em conferências e outros encontros científicos. Relatórios sobre os efeitos da segurança e da saúde, usando dados agregados, também poderão ser preparados para grupos/organizações específicos para ajudar a facilitar práticas seguras. Os dados brutos coletados serão acessíveis apenas aos membros da equipe de pesquisa.
 
Relatórios de síntese dos resultados do projeto estarão disponíveis em www.globalayahuascaproject.org a partir de 31 de dezembro de 2018. Você também pode adicionar seu nome no site para receber atualizações por e-mail ou siga-nos no Facebook.
 
Participação voluntária
Sua participação neste estudo é completamente voluntária. Caso pretenda retirar-se em qualquer fase, ou retirar quaisquer dados não processados ​​que tenha fornecido, você é livre para o fazer sem qualquer prejuízo.
 
Como participar
Se você gostaria de participar, por favor, indique que leu e entendeu essas informações clicando em "Próximo" abaixo. É importante que você complete a pesquisa apenas uma vez, e que responda a cada pergunta com honestidade e seriedade.
 
Outras informações
Caso necessite de mais informações, ou tiver quaisquer dúvidas, não hesite em contactar o Dr. Daniel Perkins +61 414620666 ou a Dr.ª Violeta Schubert +61 8344 5089. Se tiver quaisquer preocupações ou queixas sobre a realização deste projeto de investigação, pode entrar em contato com o Gerente de Ética em Pesquisa Humana, Escritório de Ética e Integridade em Pesquisa, Universidade de Melbourne, telefone +61 3 8344 2073, email humanethics-complaints@unimelb.edu.au citando HREC 1545143.

Alternativamente, no Brasil os investigadores principais são: Dr. Luís Fernando Tófoli (19) 99988-7663 e Dra. Emérita Sátiro Opaleye (11) 2149-0155 Ramal 250. Se você tiver alguma consideração ou dúvida sobre a ética da pesquisa, entre em contato com o Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) – Rua Botucatu, 572 – 1º andar – cj 14, Vila Clementino, São Paulo-SP, Tel: (11) 5571-1062, FAX: (11) 5539-7162, Email:cepunifesp@unifesp.br.

Ao clicar em "Próximo" abaixo, você reconhece que:

  • Você leu e compreendeu as informações acima
  • Sua participação envolverá completar um inquérito on-line e que os pesquisadores podem usar os resultados como descrito acima
  • A participação é voluntária
  • O inquérito é anônimo e todas as informações de identificação fornecidas serão editadas para garantir a confidencialidade